Partilha Nossa Página no Facebook Nigeriano morre e deixa 130 viúvas e 200 filhos ~ Canal 82 | Agência de Notícias

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Nigeriano morre e deixa 130 viúvas e 200 filhos



Morreu este sábado Mohammed Bello Abubakar, um pregador muçulmano que se tornou conhecido na Nigéria quando foi revelado, em 2008, que tinha 86 mulheres e cerca de 170 filhos. Na altura, a notícia foi recebida com choque e Abubakar foi fortemente criticado por ter mais do que as quatro mulheres permitidas na religião.

Abubakar, que era mais conhecido como Baba Masaba, não deu importância ao julgamento alheio e casou-se mais vezes, segundo o jornal nigeriano Daily Trust. Deixou este fim de semana 130 viúvas - algumas delas grávidas - e 203 filhos órfãos. Tinha 93 anos e morreu de doença não especificada.

O pregador e curandeiro era frequentemente acusado de se aproveitar da sua posição para manipular as mulheres e algumas autoridades islâmicas chegaram a dizer que aquela enorme família era, na verdade, um culto.

Em sua defesa, Abubakar dizia que não ia atrás das mulheres, mas sim o contrário: elas é que o iam procurar e pedir ajuda para curar algumas doenças, o que ele fazia de bom grado. "Eu não vou atrás delas, elas vêm atrás de mim", disse Abubakar segundo uma reportagem da BBC feita em 2008. "Eu tenho em conta o facto de Deus me pedir para fazer isto e caso-me com elas".

Na reportagem, a BBC revelou que a maioria das mulheres de Abubakar tinha um quarto da idade do pregador e algumas eram mais novas do que alguns filhos do homem.

Ganiat Mohammed Bello, uma mulher que estava casada com o curandeiro há mais de 20 anos, contou em 2008 que conheceu Abubakar quando ainda estava na escola secundária. A mãe levou-a uma consulta com o curandeiro e, pouco tempo depois, Abubakar pediu-lhe em casamento.

"Eu disse-lhe que não podia casar com um homem mais velho mas ele disse que era uma ordem direta de Deus", contou Ganiat à BBC. "Agora sou a mulher mais feliz da Terra. Quando casas com um homem que tem 86 mulheres sabes que ele sabe cuidar delas", continuou.

A maioria dos pregadores muçulmanos criticava Aboubakar por ter mais de quatro mulheres, mas o curandeiro garantia que apenas conseguia ter uma família tão grande por causa de Deus.

"Um homem com 10 mulheres iria colapsar e morrer, mas o meu poder foi dado por Deus. É por isso que consigo controlar as 86", disse Abubakar em 2008, quando ainda tinha menos de 100 mulheres.


"Na minha perspetiva, o Alcorão não impõe um limite e depende do teu poder, do teu dom e da tua habilidade", continuou o pregador.


Uma grande multidão foi ao funeral de Abubakar este domingo. Neste evento, Mahmood Bello Masaba, um dos filhos do pregador, descreveu o pai como um verdadeiro muçulmano que fez de tudo para promover o islamismo.

"O meu pai tornou-nos defensores do princípio da justiça consagrados na nossa religião", disse Bello Masaba, segundo a News Agency of Nigeria.

PARTILHA NO FACEBOOK COM AMIGOS...

FRASES DE AUGUSTO KENGUE CAMPOS

AUGUSTO KENGUE CAMPOS

FRASES DE AUGUSTO KENGUE CAMPOS

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES (BAIXAR)

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

PROMOVA TEU EVENTO AQUI...

ENVIE-NOS NOVIDADES

ENVIE-NOS NOVIDADES