Partilha Nossa Página no Facebook Satélite angola à 92% de Excussão vai em órbita em Março de 2017 ~ Canal 82 | Agência de Notícias

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Satélite angola à 92% de Excussão vai em órbita em Março de 2017



O ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação revelou, em Luanda, que se prevê efectuar o lançamento do satélite de comunicação geoestacionário angolano (Angosat) em órbita entre os meses de Dezembro de 2016 a Março de 2017.
O edifício do Centro de Controlo e Missão de Satélites está localizado na Funda, em Luanda. O ministro José Carvalho da Rocha disse que as obras e montagem dos equipamentos estão sem atrasos e a sua inauguração vai acontecer no período previsto.
O ministro manifestou a sua satisfação em termos de quadros, na sua maioria jovens engenheiros, que encontraram uma grande oportunidade para aplicar os seus conhecimentos e beneficiar de treinamento específico no país e no exterior.
“Estamos bem, porque além de transferir tecnologia e transmitir conhecimento, esta infra-estrutura vai complementar as outras para prestar serviços de qualidade”, garantiu, para referir que os jovens que estiverem inseridos no projecto têm de estar disponíveis para aprender permanentemente e ir à busca de conhecimentos académicos.
Este projeto espacial envolve os governos de Angola e da Rússia e o centro de controlo agora em construção em Luanda será operado por 45 técnicos especializados.
A construção do satélite, a cargo de um consórcio russo, arrancou a 19 de novembro de 2013, cerca de 12 anos depois de iniciado o processo, e deverá prolongar-se por 36 meses, calendário que o Governo angolano garante estar a ser cumprido integralmente.
O AngoSat-1 vai disponibilizar serviços de telecomunicações, televisão, internet e governo eletrónico, devendo permanecer em órbita "na melhor das hipóteses" durante 18 anos.
De acordo com o Governo angolano, o satélite vai levar as telecomunicações "a todo o país", contribuindo desta forma para a "coesão nacional".
Além de um consórcio russo, a construção do primeiro satélite de Angola - que deverá estar concluído até novembro de 2016 - envolve cerca de 30 empresas subcontratadas e a formação na Rússia de técnicos angolanos para a sua operação, cujo primeiro grupo deverá iniciar funções em setembro próximo.
A construção do satélite estava avaliada em 2013 em 37 mil milhões de kwanzas (mais de 270 milhões de euros), estando previsto o seu pleno funcionamento durante o primeiro semestre de 2017.

O AngoSat-1 é um dos sete projetos previstos ao abrigo do Programa Especial Angolano e que envolve a formação de quadros, a transferência de conhecimentos nesta área e o lançamento da Agência Espacial Angolana.
Tag: Satélite angola, lançamento do satélite angola, angola satélite, angosat satélite angolano lançamento fotos do satélite angola.
PARTILHA NO FACEBOOK COM AMIGOS...

FRASES DE AUGUSTO KENGUE CAMPOS

AUGUSTO KENGUE CAMPOS

FRASES DE AUGUSTO KENGUE CAMPOS

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES (BAIXAR)

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

PROMOVA TEU EVENTO AQUI...

ENVIE-NOS NOVIDADES

ENVIE-NOS NOVIDADES