Partilha Nossa Página no Facebook O QUE É A ORDEM ROSA CRUZ - ROSAE CRUIS ~ Canal 82 | Agência de Notícias

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

O QUE É A ORDEM ROSA CRUZ - ROSAE CRUIS



POR: AUGUSTO CAMPOS | LUANDA, 23 Outubro 2015:

A Ordem Rosacruz ou o rosacrucianismo, é um movimento místico e esotérico iniciado historicamente em 1614, com o surgimento dos Manifestos Rosacruzes. Várias organizações místicas modernas se auto-intitulam como as detentoras da sabedoria herdada da Ordem Rosacruz. A Franco-maçonaria presta homenagem aos rosacruzes em seu graude numero 18, chamado de Cavaleiro Rosacruz. A Ordem adota o símbolo de uma cruz com uma rosa no centro. Alguns rosacruzes afirmam que a cruz representa as vicissitudes e os desejos da vida, e a rosa simboliza a transcendência destas limitações e o despertar da consciência espiritual.
No início do século XVI, três textos anônimos foram divulgados na Europa: Fama Fraternitatis R.C., Confessio Fraternitatis Rosae Crucis e As Núpcias Químicas de Christianus Rosencreutz. Esses textos foram chamados de Manifestos Rosacruzes e despertaram curiosidade e expectativa quanto a real identidade dos rosacruzes. Os Manifestos apresentavam a Ordem Rosacruz parao mundo, a diziam que o objetivo dos rosacruzes era livrar os irmãos humanos “do erro e da morte”. Cristi, como ficou conhecido, teria nascido em 1378, na Alemanha.
Em 1393 acompanhou um monge a várias partes do mundo, indo a Damasco, Marrocos e Egito, onde estudou com Mestres da Tradição espiritual. No egito teria encontrado uma tumba onde redescobriu a tradição egípcia perdida, tendo posteriomente fundado a Rosacruz a partir destes ensinamentos.
A existência de C.R.C. é muito controvertida entre os rosacruzes e historiadores. Alguns o tem como um personagem histórico real, outros acreditam que a sua história seja simbólica. Acredita-se que os Rosacruzes sejam herdeiros de tradições espirituais como o Hermetismo, a Alquimia, a Gnose, a Cabala, etc. Porém, os rosacruzes da AMORC defendem a existência de uma herança tradicional que remonta a época do faraó Akenaton, originada nas escolas de mistério do Egito antigo. Seguindo nessa direção, lemos nas Núpcias Químicas de Christian Rozenkreuz, que Hermes Trimegisto “é a fonte primordial”.
A filosofia dos rosacruzes tem algumas variações, dependendo das escolas rosacruzes tomadas como referência. Porém, em linhas gerais, os rosacruzes defendem a fraternidade universal, a existência de Deus, a vida após a morte, a reencarnação, o estudo dos símbolos tradicionais, a lei de causa e efeito, o livre-arbítrio, a evolução espiritual, e assim por diante.
É reconhecido que figuras eminentes da História humana pertenceram a Ordem Rosacruz. É o caso de Leonardo da Vinci, Paracelso, Francis Bacon, Isaac Newton, Rene Descartes, Robert Fludd, Giordano Bruno, Leibniz, Alessandro Cagliostro, Johann Wolfgang von Goethe, Victor Hugo, Rudolf Steiner, Herman Hesse e vários outros.
Existem várias Ordens e Fraternidades que atualmente usam o nome “Rosacruz”: Dentre as mais conhecidas destacamos a Ordem Rosacruz AMORC, fundada por Spencer Lewis; a Fraternidade Rosacruz, fundada por Max Heindel; A Ordem Cabalista da Rosacruz, fundada em Paris em torno de 1888, tendo Stanislav de Guaita seu primeiro Grão-Mestre; a Associação Alquímica da França, dentre várias outras.
Cartas Rosacuzes é um texto antigo escrito pelos primeiros rosacruzes:
“Não pertencemos a seita alguma e não temos ambição a satisfazer, não desejamos popularidade nem nos desgosta o estado presente das coisas no mundo como aos que desejam governar para impor as suas opiniões. Não há pessoa nem partido algum que nos influencie, nem esperamos recompensa pelo nosso trabalho. Possuímos uma Luz, que nos permite conhecer os mistérios mais profundos da Natureza e alimenta-nos um Fogo, por meio do qual podemos atuar sobre todas as coisas que existem na Natureza. Possuímos a chave de todos os segredos e conhecemos o laço que une o nosso planeta com os outros mundos. A nossa ciência é uma Ciência Universal, porque abarca o universo inteiro e a sua história começa no primeiro dia da Criação. Possuímos os antigos livros de sabedoria. Tudo na Natureza se encontra sujeito à nossa vontade, porque a nossa vontade é Una com a do Espírito Universal, potência motora do universo inteiro e origem eterna de toda a vida. Não necessitamos de informação alguma dos homens nem de livros, porque podemos perceber tudo quanto existe e ler no livro da Natureza, isento de erros. Na nossa escola ensina-se tudo, porque a luz de todas as coisas dimana da omnisciência do nosso Mestre.”
PARTILHA NO FACEBOOK COM AMIGOS...

AUGUSTO KENGUE CAMPOS

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES

DIVULGA-TE AQUI...

DIVULGA-TE AQUI...

PROMOVA TEU EVENTO AQUI...

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

ENVIE-NOS NOVIDADES

ENVIE-NOS NOVIDADES