Partilha Nossa Página no Facebook LUANDA QUER TRAVAR MANIFESTAÇÃO DO DIA 29 DE JULHO ~ Canal 82 | Agência de Notícias

sexta-feira, 17 de julho de 2015

LUANDA QUER TRAVAR MANIFESTAÇÃO DO DIA 29 DE JULHO




AUGUSTO CAMPOS | LUANDA, 17 Julho 2015:
DR/RFI

-------
A manifestação de 29 de Julho tem como objectivo exigir a libertação imediata dos pelo menos quatorze activistas e dois militares detidos desde 20 de Junho, bem como dos três defensores de Direitos Humanos detidos em Cabinda a 14 de Março, destes apenas Marcos Mavungo continua preso, estando os outros dois em liberdade condicional.

O Governo Provincial de Luanda exige provas da existência legal dos "jovens de vários extractos sociais" que subscreveram a convocatória de uma manifestação para 29 de Julho, para exigir a libertação imediata dos dezanove presos políticos em Luanda e Cabinda, sob o lema "chega de prisões arbitrárias e perseguições políticas em Angola".
Adolfo Campos, membro do Movimento dos Jovens Revolucionários de Angola, foi um dos cinco activistas que assinaram a carta endereçada ao Governo Provincial de Luanda no passado dia 13 de Julho, para prevenir da realização da manifestação, em conformidade com a lei e afirma que est vai mesmo realizar-se, pois foram cumpridos todos os trâmites.

PRESIDENTE ORDEM DOS ADVOGADOS DE CABINDA INTIMIDADO
Arão Bula Tempo, presidente da Ordem dos Advogados de Cabinda, detido a 14 de Março no enclave com o seu cliente Manuel Biongo, ambos indiciados de colaboração com estrangeiros, para constranger o Estado angolano, está em regime de liberdade condicional desde 13 de Maio, enquanto o defensor de Direitos Humanos Marcos Mavungo, acusado de rebelião continua detido.
 Estas detenções ocorreram no dia em que estava prevista uma manifestação para denunciar violações de Direitos Humanos no enclave. 

AUGUSTO KENGUE CAMPOS

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES

DIVULGA-TE AQUI...

DIVULGA-TE AQUI...

PROMOVA TEU EVENTO AQUI...

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

ENVIE-NOS NOVIDADES

ENVIE-NOS NOVIDADES