Partilha Nossa Página no Facebook COPA AMÉRICA: CHILE CAMPEÃO EM CASA ~ Canal 82 | Agência de Notícias

domingo, 5 de julho de 2015

COPA AMÉRICA: CHILE CAMPEÃO EM CASA



------
AUGUSTO CAMPOS | LUANDA, 05 Julho 2015:


Em uma final típica de Copa América, com raça, muitos cartões amarelos e catimba, o Chile venceu a Argentina nos pênaltis em Santiago e chegou ao primeiro título da competição sul-americana após 0 a 0 no tempo normal. Enquanto os donos da casa converteram todas as cobranças, Higuaín e Banega erraram.

Jorge Sampaoli decidiu fechar o time no 5-3-2 para anular Messi. Ele recuou o volante Marcelo Díaz para atuar como líbero e promoveu a estreia do zagueiro Silva. Medel fechava pelo lado esquerdo exatamente para caçar o craque argentino. Isla permaneceu na lateral direita e Beausejour entrou na esquerda.

Quando o Chile saía para o jogo, mudava para o 3-5-2. E os donos da casa dominaram nos primeiros 15 minutos, principalmente em investidas pela direita. Aos 10, Vidal pegou rebote da defesa de primeira, com a perna canhota, e obrigou Romero a voar no canto esquerdo. Aí a Argentina avançou a marcação e começou a incomodar.

Aos 19, Messi cobrou falta na cabeça de Aguero, que obrigou Bravo a fazer bela defesa. Vargas respondeu aos 22, mas chutou muito alto em contra-ataque pela direita. Aos 28, Di María sentiu lesão e foi substituído por Lavezzi, que aos 46 finalizou após passe de Pastore para nova defesa de Bravo.

O jogo intenso do primeiro tempo não foi visto no segundo. O Chile continuava com maior posse de bola, mas não conseguia infiltrar na defesa argentina. O time adversário procurava apenas manter a bola longe da área. Bem marcado por Medel, Messi pouco apareceu.

Aos 36, Aránguiz alçou a bola para Sánchez, que chutou cruzado, de virada. A bola passou rente à trave direita de Romero. No último segundo do tempo normal, Lavezzi deixou Higuaín livre ao lado do gol de Bravo. Mas o camisa 9 chegou atrasado e chutou para fora. E a decisão seguiu para a prorrogação.

A melhor chance da primeira etapa foi de Alexis Sánchez, no minuto final após furada de Mascherano. Em velocidade, o chileno chutou da entrada da área por cima do gol. Na segunda parte, o futebol deu lugar ao nervosismo. E tudo se decidiu nos pênaltis.

Para o Chile, Fernández, Vidal, Aránguiz e Sánchez converteram. Pelo lado argentino, apenas Messi acertou. Higuaín e Banega erraram. No final, Chile 4 a 1 nos pênaltis. E os donos da casa erguem o troféu pela primeira vez para uma festa com mais de 45 mil pessoas. 
PARTILHA NO FACEBOOK COM AMIGOS...

FRASES DE AUGUSTO KENGUE CAMPOS

AUGUSTO KENGUE CAMPOS

FRASES DE AUGUSTO KENGUE CAMPOS

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES (BAIXAR)

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

PROMOVA TEU EVENTO AQUI...

ENVIE-NOS NOVIDADES

ENVIE-NOS NOVIDADES