Partilha Nossa Página no Facebook AUGUSTO KENGUE CAMPOS - O ARQUITECTO DESTRUIU SUA PROPRIA OBRA ( ENSAIO 2016) ~ Canal 82 | Agência de Notícias

terça-feira, 13 de setembro de 2016

AUGUSTO KENGUE CAMPOS - O ARQUITECTO DESTRUIU SUA PROPRIA OBRA ( ENSAIO 2016)




O Arquitecto Destruiu Sua Própria Obra (Ensaio).*

 AUGUSTO KENGUE CAMPOS
Linguista, escritor, analista crítico, pesquisador na área de ciências sociais e humanas

Luanda, Setembro de 2016


____________

Resumo

O destino de Angola tem sido traçado com hostilidade, amargura, ganância, desrespeito a vida humana, prepotência, extorsão, arrogância, peculato e nepotismo. Este comportamento condicionará a manutenção da paz e da estabilidade do país no próximo decénio.
Actualmente, os governantes têm medo do povo e o povo tem medo dos governantes. Os líderes querem apenas poder, apenas o poder os interessa e nada mais. Este poder inclui o controlo absoluto e total da política, economia e da sociedade.
Na minha opinião, Angola não é mal governada, mas sim, suas riquezas, assim como os fundos angariados, é que são mal geridos pelo regime que governa. Nisto, considera que não há equidade na distribuição das receitas do país.
Angola, anteriormente Ngola, a terra dos ´´ngolas´´  e dos ´´njingas´´  (reis, nas línguas Kicongo e Kimbundo) é uma terra abençoada e naturalmente rica. A riqueza natural do país é caracterizada pela milenar cultura banta principalmente, e identificada com as línguas, tradições, etnologia, hábitos e costumes destes povos.

Palavras-chave:
Angola – Economia – Opinião – Governo angolano

__________________

Sociedade Utópica e Políticos Egoístas

            Segundo Karl Marx, a sociedade da utopia ou utópica seria, uma sociedade perfeita, onde todos seriamos iguais, sem diferenças.

            Apesar da passividade que os pais experimenta desde 2002, vivemos uma situação económica e social difícil. O futuro não é muito promissor para Angola apesar da intenção de mudança que alguns de nós temos.  Políticos angolanos, que governam o país continua a semear hostilidade e amargura no coração de todos os indefesos. Este comportamento poderá levar o país ao caos político, financeiro e social nos próximos dez anos.

No âmbito social, existem mais jovens a consumir álcool, a fumar cannabis, a consumir drogas, a vestir como seus ídolos (na sua maioria roupa obscena e insana). A influência ocidental, principalmente, tem sido prejudicial para a juventude, sobretudo, aquela com formação académica, familiar ou cultural deficiente.

Músicos, assim como celebridades com atitudes e comportamentos nada louváveis têm  sido imitados pela juventude que não consegue separar o certo do errado.

Politicamente falando, as coisas encontram-se inalteráveis. Os lideres são sempre os mesmos ou ligados a um único partido, mesmo depois de passar 40 anos desde a independência do país proclamada em 1975.

O culto a personalidade1, a prepotência , a arrogância, o engodo2, e outras formas de engano mental continuam, bem assentes numa sociedade onde todos são obrigados a ser simpatizante do partido que governa o pais para, manter seus interesses vivos.

Deixe-me dizer-vos que na década em questão (2017-2027) viveremos um caos politico, económico e financeiro. O país terá enormes dificuldades em conseguir manter a paz e, isto causará instabilidade política e, inclusive se repercutirá no comportamento social através da incerteza e do desespero. Nessa década, alguns políticos que nunca tiveram a oportunidade de governar a nação estarão mais perto disso e, os que sempre tiveram oportunidade de governar tentarão defender seus postos.

Os líderes angolanos defensores do velho comunismo e, do Marxismo Leninismo continuarão a governar o país na década em questão.  O sistema político autoritário e totalitário que vigora ilegalmente em Angola onde, o poder é controlado exclusivamente pelo líder será minimizado na década da incerteza.
____________
1 O culto de personalidade ou culto à personalidade é uma estratégia de propaganda política baseada na exaltação das virtudes - reais e/ou supostas - do governante, bem como da divulgação positivista de sua figura.
2 Isca que se utiliza para atrair animais, geralmente aves ou peixes. Literalmente, arte de mentir politicamente para angariar simpatizantes

Economia Desacertada

            Nessa década, homens que enriqueceram a custa do erário público e vivem cometendo peculato ou beneficiaram do nepotismo farão tudo que estiver ao seu alcance para, não ser julgados mantendo suas riquezas bem longe do olho do povo e alertando seus seguidores a contrapor todos que não se alinharem a eles.
Enquanto durar este período, o povo terá mais voz, no entanto, o governo vai reprimir os contra, mas, sem o mesmo sucesso, se comparado com o momento actual.

Nessa década, todos os políticos que nunca tiveram,  terão  esperança em governar mas, poucos vão chegar até lá, porque, o partido com maior poder financeiro continuará a fazer suas manobras hipnotizando, seus seguidores e simpatizantes a acreditar nas suas intenções. A instabilidade persistirá e poderá inclusive evoluir para conflito, mas sem guerra.

O povo que precisa e quer sempre viver em paz e, deste modo esquecer a guerra que dizimou milhares de angolanos quererá ver os líderes resolverem efectivamente as questões e inquietações que nas décadas passadas não foram resolvidas a favor do povo.

No período previsto conheceremos os verdadeiros angolanos, assim como nos anos que antecederam a independência nacional em 1975 ou durante a guerra civil. O verdadeiro angolano é aquele que suportou as agruras da vida e não escapou para o estrangeiro com medo de ser morto por ser partidários de afiliações diferentes ou por serem de cor, ou de etnia diferente.
Os ricos angolanos, aqueles que conseguiram suas riquezas através do peculato ou, beneficiaram do nepotismo terão receio e vergonha de exibir seus luxuosos Range Rovers, Hummers, Mercedes entre outros topo de gama com receio de serem conhecidos como ladrões do governo. No interior do pais onde o povo é mais determinado o receio será maior ainda.

Angola parecerá insegura e, caminhar à noite será perigoso. Estudar ou trabalhar no período nocturno, será um martírio como foi nos anos que antecederam a independência de Angola e durante a guerra civil angolana.

Políticos e militares farão de tudo para manter ordem ao passo que, os verdadeiros religiosos vão pedir a intervenção divina com a esperança de ver uma Angola pacífica.
Existem culpados por esta minha previsão. Os mesmos arquitectos que alicerçaram a construção da paz são os mesmos que estagnaram o pais, o mesmo que se diz em italiano ´´Il cratore destruce la opera´´ (o próprio  arquitecto destruiu sua obra).





No decêndio 2017-2027, os maus/bons serão martirizados e, relembrados como nostalgia: - ´´No tempo do fulano era melhor do que hoje´´ ou ´´Se o fulano estivesse no poder, o pais não estaria assim´´, o mesmo que acontece com líderes de algumas afiliações partidárias já falecidos, casos de JMS relembrado com nostalgia.

Toda reserva natural pertence ao estado que, controla a região e por sua vez deve com a angariação de fundos advindos deste distribuir equitativamente para todos.
Para um país com uma população de menos de 25 milhões é injustificável a péssima gestão urbana ou, a desatenção com questões sanitárias e académicas que presenciamos.
A divisão deficiente da riqueza do país provoca revolta e inspirou-me na elaboração deste artigo. O tribalismo, o preconceito e a profanidade são cada vez mais promovidos pelos líderes através da comunicação social, normativos e decretos oficiais.
O país é formado por vários grupos etnolinguísticos, onde se destacam; o ambundo, ovinbundo, bacongo, chindonga, herero, nyanneka, cuanyama, himba3 e muitos miscigenados nascidos de mães ou pais ibéricos.

Os recursos minerais, como os diamantes depositados nas zonas de Xá-Muteba, Capenda Camulenba, Cuango, Dundo e noutros locais, parecem ser para os angolanos  uma maldição e não uma bênção. Nestas áreas controladas a ferro e fogo pelo governo, milhares de pessoas já perderam suas vidas desde a descoberta deste mineral na 2ª década do Sec. XX.

Este pequeno e aparentemente insignificante mineral apelidado de ´´diamante de sangue´´ quando advêm  países ´´desorganizados´´, influenciou o ocupante português a separar a Lunda (antes reino da Lunda)  em duas províncias; Lunda- Norte e Lunda-Sul, isto no limiar dos anos 70 do Século passado. Após a descoberta deste mineral na região leste do país começou o caos, a desordem e a extorsão.

Atraídos pelo mineral, todos  queriam ir as Lundas com o objectivo de enriquecer facilmente. Muitos acabaram mortos ou amputados e outros enfeitiçados, nesta terra de tradições acentuadas.

As províncias que guardam estes minerais são desorganizadas. O povo é reprimido e o governo aprova, leis e mais leis que obrigam as autoridades a submeter a povo à tortura em caso de desacato as ordens. Nesta área geográfica de Angola, a população é miserável, passa fome e passará, enquanto a zona for um lugar de extracção diamantífera e outros minerais não explorados ainda.
____________
3 Os substantivos não foram pluralizados, porque são comuns.

Segundo  os escritos de alguns activistas dos direitos humanos a extracção diamantífera artesanal influenciou, a mutilação genital masculina e feminina para práticas de mágica. Segundo consta noutros relatórios, centena de homens, mulheres e crianças são assassinadas brutalmente durante estas práticas que tem como objectivo satisfazer os desejos dos deuses que eles adoram.

A década 2017-2027,  não será agradável para estas zonas de concentração mineira. O governo vai continuar a controlar estas  zonas, mas a vulnerabilidade  levará muitos a rebelião, assim como aconteceu nos anos do conflito civil com outros partidos a controlarem zonas diamantíferas e geograficamente estratégicas.

Política e Democracia por Intenção

Em Angola, o sistema politico é democrata apenas por intenção. O marxismo-leninismo experimentado entre 1975 à 1992 que ofuscou outros partidos da oposição civil, muitos dos quais mais tradicionais do que o partido que governa, continua a ser preferência dos nossos dirigentes.

Estas doutrinas, desenvolvidas lá onde os nossos governantes foram orientados, oprime  a população civil e, a chamada socialização não passa de utopia. O comunismo, assim como o socialismo têm suas vantagens numa sociedade mais organizada mas, no caso de Angola não acredito que funciona.

A aplicação política e o cumprimento das promessas, não passam mesmo de promessas. A política é deficiente e favorece  apenas os afiliados e partidária do partido que governa. Esta atitude de repressão, humilhação e hostilização custará caro não aos partidários mas, para o próprio povo que é hostilizado. Realidade lamentável!

Volvidos 40 anos desde o alcance da independência, a terra  dos ´´ngolas´´ e dos ´´njingas´´ como Mbandi, Nkuvu, Kiluanje, Mussari,   entre outros, continua sem paz efectiva  e perde cada vez mais sua identidade.
Durante a minha adolescência, em meados dos anos 90 do Sec. XX, ninguém criticava o partido que governava e continua a governar até hoje. Talvez porque éramos miúdos e, porque fomos obrigados a crer que os outros partidos eram constituídos por demónios, assassinos, canibais e homens ferozes. Mais 20 anos depois, acontece o inverso, hoje ninguém tem mais simpatia pelo partido, nem pelo líder que dirige tal partido, considerado carismático na altura: ´´Il creatore medessimo destruce la opera´´ (O próprio arquitecto destruiu sua obra ).

O arquitecto da paz, alcançada no ano 2002 que, algum dia fomos obrigados a admirar é menos amado nos dias de hoje, inclusive no seio do partido que lidera. Ele passou de herói e arquitecto da paz para ser considerado pelos inquietos; autoritário, totalitário e ditador.

O mesmo creatore ganham cada vez mais inimigos e perde cada vez mais simpatizantes devido, principalmente, a sua ganância, autoridade e a promoção do nepotismo4.

Os políticos angolanos estão cientes de que são uma constituição biológica e orgânica, nisto estão susceptíveis ao envelhecimento. Ignorando este estado, eles permanecem por décadas no poder até serem derrubados por rebeldes apoiados pelos ocidentais capitalistas ou, morrem vitimados por doença causada pela 3ª fase da vida, a velhice.

Do pouco que aprendemos em ciência ou análise política, que e uma ciência social no qual se centra as nossas pesquisas, existem três tipos de poder: O executivo, o judiciário e o legislativo. Sabemos também que, existem três principais sistema de governo: O parlamentista, o semi-presidencialista e o presidencialista e considero a monarquia5.

Em Angola é tudo centralizado e controlado com autoridade, tudo depende das ordens do comandante-em-chefe que, também é o líder da nação. Este comportamento é considerado incorrecto e equiparável a monarquia, pelo que,  não é aceite numa sociedade democrata.

O exército, a corporação policial, o sistema de  educação, a administração pública, a cultura, a economia, a justiça, assim como a política é centralizado e prostram-se aos ao olhar dos totalitaristas. A Justiça, nem sempre age em conformidade com a deontologia  profissional devido a afiliação que tem com o sistema de governação. Eles (os juízes) punem apenas aqueles que são imparciais ao regime ou, simpatizantes e partidários que se insurgem contra eles.

Em Angola, sempre que um partidário do partido que governa for julgado em tribunal, é porque tentou afrontar o autoritário e, sempre que os governantes (próximos o mandatário) cometem seus crimes, não são julgados nem sequer ouvidos sequer em julgamento ou audiência.

No nosso país há indivíduos que, nunca serão julgados enquanto o sistema de governação estar nas mãos dos que governam hoje. Até finais da década em questão, e no âmbito deste parágrafo, os políticos autoritários e mais influentes estarão completamente velhos e inactivos. Assim, as forças do partido que eles dirigem será escassa e suas ordens desrespeitadas, devido ao facto de eles estarem longe da vida política ou sem autoridade.
____________
4 Favorecimento de parentes (ou amigos próximos) em detrimento de pessoas mais qualificadas, especialmente no que diz respeito à nomeação ou elevação de cargos do governo ou na vida económica.

5 O sistema de governação onde, o chefe de Estado se mantém no cargo até à sua morte ou à sua abdicação, sendo normalmente um regime hereditário. Neste sistema, o líder é chamado de monarca e tem o titulo de Rei (homens) e Rainha (mulheres). Seus filhos são chamados de príncipe.
Nesse decénio e nos próximos três, os culpados pela desgraça do povo serão aqueles que, passaram os últimos 40 anos a liderar o país. Todos actualmente, já acusam este partido pelo fracassos da nação, quer no campo da política e democracia assim como na educação, saúde, gestão urbana entre outros campos.

Alguns seguidores e simpatizantes tentarão de modo inteligente manter o ciclo dominante como o fazem, mas serão incapazes de ter sucesso.

No seio dos próprios governantes, reina o desespero, a intolerância e o sentimento de vingança, pelo fato de a maioria dos partidários se sentirem injustiçados ou, desgastados com a presença eterna do líder do partido no comando.

No partido que governa existe apenas, um único eleito e nada mais. Os congressos ordinários do partido são fantasiados e ilusórios, onde apenas são eleitos o novo vice-presidente e outros corpos dirigentes, mas nunca um novo presidente, o presidente e sempre o mesmo.

Esta atitude incentiva a rebelião entre os cidades e constitui um mau exemplo para a democracia. Os dirigentes devem saber que, os comunistas que os instruíram e os consideram ‘herói da guerra fria’, também são mortais, assim como os capitalistas que querem os despejar do poder. Nenhum individuou ou reino experimentará a eternidade. A  análise é simples de ser percebida tendo em conta os seguintes factores:

1-Biologicamente falando somos corpos orgânicos, nisto estamos susceptíveis a cessação definitiva da vida (morte).

2-Para existir história é necessário que os homens o façam. A história da humanidade nos diz que mais de 1000 reinos e impérios caíram como aconteceu com os vários e poderosíssimos impérios do passado: Império Roma, Império Russo, Império Bizantino, Império Mongol, Império Britânico, Império Persa entre outros.










Conclusão
            Elaborado, independentemente, e contêm opinião imparcial do autor sem influência ou incentivos e, nem visa promover instabilidade no pais, pelo que, peço a todos os leitores o respeito a minha opinião, e o comentário sincero para o email que se segue

Nota que este artigo elaborado com base na metodologia literária Ensaio, contem opinião exclusiva apresentada pelo autor e resultado de um estudo detalhado realizado nos últimos meses e tendo como base o comportamento dos políticos e da sociedade civil.
Como membro da sociedade assim como analista e critico literário tenho o direito de fornecer minhas opiniões com relações aquilo que penso, nisto peço que respeitem minha opinião e dêem a vossa.


Baixar em Word (Docx) ou PDF







_____________________________________________________

Um artigo científico/académico deve ser discutido abertamente:

Opiniões e contribuições em:

Email:

Facebook:

Blogue oficial:

Vídeo de apresentação NO YOUTUBE:
https://www.youtube.com/watch?v=fdMQIuIBXvc



Outras Publicações de Augusto Kengue Campos

  1. Introdução à Linguística, Literatura e Cultura (2015)
 









  1. As Sociedades e o Preconceito Racial (2015)
 









  1. O Mistério das Religiões (2015)








  1. Benefícios e Malefícios da Internet na Contemporaneidade











ag: Frases Bonitas de Motivação, Frases Amorosas, Frases de Motivação e Incentivo, Frases Bonitas para Mensagem e Telefone, Frases Bonitas Português, Frases do Escritor Augusto Kengue Campos A.k. Campos, Frases de Escritores angolanos, Escritores angolanos frases, Versos Bonitos em Portuges, Versos Bonitos em Portuges, Frases, Frases bonitas. Mensagens de Fim de ano, Mensagens amorosas, Mensagens amorosas, baixar Mensagens Bonitas, mensagens de Insentivi, Mensagens de Moticação. Mensagens Bonitas 2016,. 2017, 2018, 2019, 2020, Novas mensagens bonitas actualizadas, mensagens de escritores.

Tag: Augusto Kengue Campos | O Mistério das Religiões Baixar Livro | Baixar Livro de Augusto Kengue Campos O Mistério das Religiõs | Livro Sobre Religião | A Batalha das Cruzadas | Baixar Livros Misteriosos | Download Book Free | O Que é e Religião |  Islamisco | Satanismo | Feiticismo | O As Mentiras da Biblia Sagrada | Lista de Suras e Capitulos do Alcorão | Baixar Biblia Sagrada Gratis | Baixatr Al Coã Gratis | Baixar A Torá Gratis | Bair Matéria RTeligiosa | Baixar Livros academicos gratis | Baixar Livros Gratis de Escritores angolanos | Escritores angolanos lista completa | Quem é Augusto Kangue Campos | Livros de Augusto Kengue Campos Baicxar Grátis | O livro mai misterioso do mundo | o livro mais lido em angola | Livros Gratis 2015 | O Livro mais lido em Angola | Augusto Kengue Campos Livros Mais baixados | Quem é Augusto Kengue Campos | A História do Cristianosmo de Jesus e Maomé | The most written books ever | Download Book From Writer Augusto Kangue Campos augusto kengue campos angola luanda | Livros gratis de angolanos para ler | Qué o melhor | Livros de Angola | ANgolan Boks | Tag: Baixar Livro de Augusto Kengue Campos - Introdução a cultura, linguistica e Literatura Grátis, Download Livro de Augusto Kengue Campos Cultura, Linguistica e Literatura, Baixar Biografaia do Angolano Augustoo Kenegue Campos, Augusto Kengue Campos Vida e Obra do Autor Baixar, Baixar Livro sobre Cultura, Livro de Literatura e Linguistica Baixar Grátis, Baixar Manual de Esudos de Cultura angolana e Africana Mundial, Cultura e Literatura Angolana Baixar Livro Gratis, A Literatura angolana baixar, Lista de Escritores Angolanos 2015, Quem é Augusto Kengue Campos Baixar Livros de Autores Angolanos 2015. Biografia de Augusto Kengue Campos Angolanao escritor. Angolano que Fala 30 Línguas baixar Livro Grátis. Baixar Vídeo de Augusto Kengue Campos Angolano que Fala 30 Línguas. Africano que Fala 30 Línguas, Angolan Speaks 30 Languages, Angolanos inteligentes, SITE CANAL 82 Baixar Livros do Angolano Augusto Kengue Campos, O Livro Mais Lido em Angola, Augusto Kengue Campos, O Livro mais Baixar em 2015 de Augusto Kengue Campos Angolano que Fala 30 Línguas, Os Livros mais Vendidos em 2015 no Mundo Baixar Grátis. O Homem que fala 30 Línguas em Angola, Lista de Escritores de Moçambique, Cabo Verde Angola, Brasil, Portugal. Baixar Livros do Curso de Ciencias Sociais e Humanas, Faculdade Letras da Universidades de Angola, Universidades de Angola, Noticias de Angola, Angola Noticias de Angola. Historia da Literatura e Cultura e Linguistica Baixar Grátis, Baixar Apostilhas Cultura, Literatura e Linguistica. Baixar Músicas Angolanas 2015. Baixar Músicas de  Pedro King CKWA, C4 Pedro-King Ckwa - Baixar Disco Grátis - Download Free, As músicas mais tocadas em Angola 2014, 2015 Baixar Grátis. Os Livros Mais Baixados no Mundo e No Brasil e Em Portugal. ~ povos bantus materia povos bantus e linguasbantas. livro bantus e povos  e  linguas os bantos livros materia dos bantos livro dos bantus e linguas bantus que sao os bantus em angola brasil e portugal povo bantu livros e linguas bantas. Livros deAugusto Kengue Campos Os Povos Bantos E AsLinguasBantasBaixar quem sao os povos bantos Origem Do Povo Banto e Das LinguasBantas. Augusto Kengue Campos Baixar | Augusto Kengue Campos-Max Truman, Max Truman Augusto Kengue, Livros de Literatura Angolana, Baixar Livros de Augusro Kengue Campos, Augusto Kengue Campos Livros Baixar, Baixar Livros de Acao, Drama, de Angolanos, Best DRama Books, Download Drama Books, Books From Angola Writters, Augusto Kengue Campos. augusto kengue campos Caconda e a noiva fantasna, baixar livros augusto kengue campos A.K. CAMPOS-CACONDA E A NOIVA FANTASMA, LIVROS DE AUGUSTO CAMPOS ANGOLANAO.Baixar Livro, Livros Gratis, Baixar Tudo Livro, Augusto Kengue Campos A.K. Campos Caconda e a Noiva Fantasma. Auugusto Kengue Campos Estuda da Linguistica Como Ciencia Social. Baixar Livro de Linguistica Como Ciecia Social, Melhores Escritores angolanos.















PARTILHA NO FACEBOOK COM AMIGOS...

AUGUSTO KENGUE CAMPOS

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES

LIVRO: O MISTÉRIO DAS RELIGIÕES

DIVULGA-TE AQUI...

DIVULGA-TE AQUI...

PROMOVA TEU EVENTO AQUI...

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

MÚSICO, PROMOVE-TE AQUI

ENVIE-NOS NOVIDADES

ENVIE-NOS NOVIDADES